Resenha | O Oceano no Fim do Caminho - Neil Gaiman


A obra nos é apresentada com o narrador voltando para a rua onde morou quando era criança ,para o enterro do seu pai. Lá, ele nos conta sobre uma fase marcante de sua infância, e suas memórias misturam realidade e imaginação. 
Conforme as lembranças do protagonista vão se desenrolando somos apresentados à Lettie, uma garotinha que morava com sua mãe e avó em uma fazenda no final da estrada. Quando ele se lembra da garota, lembra também de quase tudo o que viveu na época, e então nós mergulhamos na sua história deliciosamente fantasiosa e repleta de simbolismos esplendidos.

Lá na infância do protagonista um suicídio desencadeia acontecimentos fantásticos que o mantém ocupado, no momento presente em seus anos de adulto o mesmo depara-se com a morte do pai e sai em busca de respostas e lembranças de sua juventude e como lidar com tudo que está acontecendo.

Durante boa parte do livro nós não sabemos o nome do nosso narrador, o autor faz assim com que o próprio leitor torne-se protagonista desse Oceano ao relacionar os fatos presentes na narrativa com nossas próprias infâncias. O livro apresenta personagens reais e, depois, transforma eles em alegorias – ou o contrário, utilizando metáforas o autor fala de perdas, morte e sofrimento com muita eloquência e um toque fantástico que fiquei nostálgica e profundamente mexida com o enredo. Neil Gaiman sabe como emocionar o leitor e esse livro me deixou com vontade de ler outras de suas inúmeras obras.

Nessa obra melancólica e fantástica em que nada é o que parece ser, jovens e adultos irão se deliciar podendo obter diferentes perspectivas da mesma história.

Recomendo muito!

XoXo!💋


1 Comentários

  1. É o tipo de história que prende, acertei? haha parece boa! Confira meu último post também! https://garotastarfashion.blogspot.com/2018/11/como-aumentar-seu-interesse-pela.html ♥

    ResponderExcluir