Resenha | Belles - Dhonielle Clayton



Adicione no Skoob

Essa leitura foi daquele tipo que eu entrei sem expectativa alguma. E simplesmente amei!

Baseado em um mundo de fantasia onde a beleza é a principal virtude as Belles estão entre os membros mais cobiçados da sociedade por seus poderes transformadores, Uma Belle é raridade, é um toque divino no mundo, sendo assim, é a preciosidade de Orléans, o reino onde se passa a história. Aqui as pessoas nascem com a pele cinza e apenas Belles têm a capacidade de criar beleza, suas habilidades no entanto,têm um preço. 

Camellia está prestes a participar da cerimônia de escolha da Belle favorita da Rainha, isso é o que ela mais almeja e a princípio lhe é negado. Uma reviravolta acontece e ocorre algo jamais visto, Camellia é posteriormente requisitada para ocupar o posto na realeza. 

Lá ela é rapidamente atraída para os segredos por trás da bela vida na corte. Navegando em fraudes a todo momento, Camellia descobre que a vida não será um mar de rosas e tem que decidir em quem pode confiar com os desafios que surgem em seu caminho. Tudo torna-se ainda mais extremo quando a rainha implora a ela para ajudar a salvar sua filha primogênita A protagonista será forçada a contar com as forças e fraquezas de seus poderes. 

Apesar de não gostar muito de comparar histórias, pois acredito que mesmo com similaridades cada uma é única, Belles teve muitos elementos que me lembraram de outras histórias que li, isso não me incomodou de forma alguma, pois a história em sim, sua originalidade e a autora me cativou logo nas primeiras páginas, porém pode ser que outros leitores se incomodem com algumas semelhanças.

Dhonielle Clayton faz sua marca em mim. Olha que já li muitas distopias e fantasias!
Adorei ler as descrições de diferentes visuais enquanto entendia como a magia das Belles trabalha para criar estilos e tendências, e é claro, como a arte entra em seu trabalho, desde os cremes coloridos que criam tons de pele até as ferramentas que podem remodelar a pele e os ossos. Achei tudo incrivelmente bem construído!
Sem contar o quanto fiquei encantada com as descrições da autora, que se mostraram brilhantes e de forma alguma exaustivas.


A trama fala também sobre a relação que as Belles tem entre si, pois estas são como irmãs mesmo. Há também uma pitada de romance, mas que para mim foi o menos relevante da história, se comparado com a jornada da protagonista. 

Como era de se esperar, com uma sociedade obcecada pela beleza, há problemas e questões mais profundas e mais sombrias que surgem e são muito bem discutidos ao longo da leitura.

A medida que o livro avança e a protagonista Camellia se torna mais enraizada na família real, abusos e horrores lhe são revelados. Surgem a partir daí questões sobre o papel das Belles na sociedade e a origem de seus poderes, e seu papel de destaque na sociedade começa a diminuir em pouco mais que a escravidão quando confrontado com uma população que é obcecada pela aparência.

Apesar de ser uma obra fantástica essa história pode ser facilmente trazida para o nosso mundo. O vilão é construído a partir da cobiça, inveja e desejo que está sempre presente tanto neste mundo de fantasia, como no nosso, onde as aparências e a estética são mais facilmente comparável e distorcido do que nunca.

Belles é uma história com muita profundidade e complexidade, por trás de um cenário exuberante prova que conteúdos importantes e críticos podem existir ao lado de cenários assim e descrições divertidas. 

Eu devorei este livro e me vi completamente imersa nesse mundo. Como Belles se trata do primeiro volume de uma série, não vejo a hora de ter a continuação em mãos.


FICHA TÉCNICA

Belles

Ano: 2019
Páginas: 408
Editora: Plataforma21
Gênero:  Fantasia, Young Adult

XoXo!💋


0 Comentários